3 dicas de segurança importantes para quem vai fazer DIY em casa

Você já tentou pintar as paredes de casa, montar algum móvel ou fazer um acessório de decoração por conta própria? Caso a resposta seja sim, você já sabe bem como é o DIY: famoso “faça você mesmo”. Além de divertida, essa prática também é econômica - já que você não gasta com mão de obra, certo? Mas é preciso ficar atento: a mão na massa pode ser perigosa, às vezes, e você deve tomar alguns cuidados. Para te ajudar com isso, o Casa de Verdade separou algumas dicas básicas de segurança - melhor prevenir do que remediar, certo?

1# Equipamentos de proteção individual: luvas, óculos e aventais são realmente necessários

Se tem uma forma de se proteger durante a bricolagem, é usando os famosos equipamentos de proteção individual (EPIs). Cada um tem sua especificidade e hora certa para usar, dá só uma conferida na utilidade de cada item:

Luvas de proteção: Esse acessório é importante para diferentes ocasiões - pintura, limpeza, manuseio de produtos, ferramentas e corte de vidro ou madeira, por exemplo. Existem modelos feitos de borracha, PVC ou algodão - é só escolher o seu. Para segurar peças de vidro, por exemplo, use luvas de plástico, que garantem maior firmeza na pegada desse material. Para lidar com produtos tóxicos, você não pode deixar de usar as luvas de pvc, que têm alta resistência a esses materiais.

Aventais e roupas de segurança: Essa roupagem impede que algum produto tóxico atinja a pele e ainda evita manchas na roupa. Mas não é sempre que você precisa usar: geralmente, é recomendado vestir um avental quando for misturar tintas, preparar argamassas, cimento e outros produtos.

Óculos protetores: Durante certos trabalhos, o uso de óculos deve ser obrigatório. Algumas dessas atividades que representam riscos aos olhos são soldagem, corte de metais, madeiras e etc. Isto porque é possível que fagulhas ou farpas atinjam o rosto. Você pode usar um modelo transparente, que não atrapalha a visão, ou óculos amarelos e vermelhos que possuem proteção para raios UV.

2# Não se esqueça de usar máscaras ao lidar com produtos tóxicos

3 dicas de segurança importantes para quem vai fazer DIY em casa

Pode até parecer exagero, mas alguns produtos são realmente tóxicos para o ser humano. As tintas spray, por exemplo, possuem substâncias tóxicas que, caso sejam inaladas, podem fazer muito mal à saúde. Para evitar isso, é bem simples: use uma máscara de proteção que tape apenas o nariz e a boca.

3# Cuidado com ferramentas cortantes

Existem ferramentas que, apesar de parecerem simples, representam algum tipo de risco à segurança. As esmerilhadeiras, por exemplo, possuem discos de corte extremamente ágeis e afiados, que precisam de um manuseio cuidadoso. Por isso, além de usar os EPIs, você também deve tomar algumas precauções. Antes de iniciar o trabalho, por exemplo, nunca deixe a mão ou algum objeto apoiado no local que você irá cortar. Além disso, logo após o uso lembre-se de desplugar a ferramenta da tomada - não basta desligá-la manualmente. Esse tipo de trabalho demanda muita atenção para evitar acidentes. Tomando todos esses cuidados que a gente falou por aqui, certeza de que os seus projetos de "faça você mesmo" não vão dar dor de cabeça.